MPB

sexta-feira, 21 de maio de 2010

A mão que detém o poder.

Em minha visão, “Lula” se reuniu com os afegãos, com os iraquianos, com todos aqueles com os quais tinha que se reunir para negociar concessões de ambos os lados. E deu certo, porque houve uma tentativa, porque agredidos e agressores dos dois lados entenderam que a alternativa seria muito pior, e todos já haviam perpetrado suas vinganças, e todos teriam, assim, muito o que perder se acordo não houvesse, e por isso acordaram, e por isso houve paz.


Como se vê, tudo depende da mão que detém o poder.
Leia na integra. de Eduardo Guimarães do cidadania.com em 18/05/2010




quinta-feira, 20 de maio de 2010

Lula critica os urubus da mídia.

No Rio Dilma 35%, $erra 22% e Marina 11%

Dilma Rousseff (PT) tem 35% das intenções de voto no Rio de Janeiro para presidente da República seguida de José Serra (PSDB) com 22% e Marina Silva (PV) com 11%. Brancos e nulos chegam a 14% e 17% dos entrevistados ainda não têm candidato para a Presidência.

Esse é o resultado de pesquisa do Instituto Vox Populi divulgado, hoje à noite, pela Rede Bandeirantes de Televisão.

Para governador do Rio, a mesma pesquisa indica que Sérgio Cabral (PMDB) reúne 41% das intenções de voto tendo subido 3 pontos percentuais de janeiro para cá.

Em segundo lugar vem Fernando Gabeira com 19% dos votos. O pré-candidato do Partido Verde subiu um ponto de janeiro a maio. Anthony Garotinho (PR) tem 18% das intenções de voto. Ele caiu dois pontos em cinco meses.

Votos brancos e nulos somam 14% no Rio de Janeiro e 8% dos entrevistados disseram não saber em quem vão votar para o governo do Estado.

O pré-candidato com maior índice de rejeição é Garotinho – 35%. Gabeira está em segundo com 23% e Cabral aparece com 11%.

A pesquisa foi feita entre os dias 8 e 11 de maio, quando foram entrevistadas 800 pessoas. A margem de erro é de 3.5 pontos percentuais. (Com informações da BAND)






quarta-feira, 19 de maio de 2010

Aposentado com benefício acima de um salário mínimo terá aumento de 7,7%. Bye-bye Serra 2010!

Senado aprova reajuste de 7,7% para aposentados

Em votação simbólica, texto foi mantido como veio da Câmara, com o fim do fator previdenciário; MP segue para sanção presidencial.
BRASÍLIA – Em menos de cinco minutos, o Senado aprovou na noite desta quarta-feira, 19, a medida provisória que reajusta as aposentadorias acima de um salário mínimo. Em votação simbólica, fruto de acordo entre as lideranças do governo e da oposição, os senadores mantiveram o texto como veio da Câmara. A MP segue agora para sanção presidencial e caberá ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva eventual veto. Dos 81 senadores, 78 estavam presentes no momento da votação.

Ao apresentar seu relatório, o líder do governo, senador Romero Jucá (PMDB-RR), sinalizou que o presidente Lula deverá sancionar o reajuste de 7,72% e vetar apenas o fim do fator previdenciário. “Acabar com o fator previdenciário e não criar nada em contrapartida é uma irresponsabilidade”, discursou.

Clique aqui para ler a matéria completa de Ana Paula Scinocca no site do Estadão

Isso é PSDB: Incompetência na educação

Governo de SP não cumpre suas metas para a educação
Gestões Alckmin e Serra não atingiram os índices de redução de repetência e evasão.
Em três dos quatro indicadores, a situação chegou a piorar; governo Serra culpa herança da gestão Alckmin, ambos do PSDB.

Aos amigos que dizem que vão votar no Serra:
Visitem uma escola ESTADUAL de São Paulo e vejam como o Serra e o PSDB ABANDONARAM a educação no Estado.
Por outro lado, o governo Federal CONSTRUIU escolas técnicas federais, universidades federais, contratou professores e criou o PROUNI.
Quem é mais competente na educação? O governo do PT ou o do PSDB.
Leia mais...



Data-da-Folha indica que vai preparar um dossie contra Dilma.


A pesquisa DataFolha, protocolo no TSE 12044/2010, registrada na segunda-feira, dia 17, traz no questionário duas perguntas que apontam para a estratégia de baixaria de campanha de José Serra (PSDB/SP).

A indicação é de que campanha do demo-tucano cogita centrar a campanha na baixaria das fichas falsas que circularam no submundo da internet e na Folha de São Paulo, trazendo o assunto para o centro da campanha em forma “dossiês”. Obviamente deturpando, com a intenção de desconstruir a imagem de Dilma Rousseff, querendo tripudiar com sua condição de ex-torturada quando era presa política, e querendo, para atingi-la, criminalizar guerrilheiros, que agiram como soldados de exércitos rebeldes, e entraram em combate contra autoridades e forças policiais, militares e paramilitares da ditadura, nos anos de chumbo. Leia mais...



terça-feira, 18 de maio de 2010

Datafolha perdeu o compromisso com os fatos.

Giro pelos Blogs. - 18/05/2010

"Ditabranda": Folha convoca general exonerado para caluniar Dilma


A Folha de São Paulo perdeu a linha de vez. Em sua edição de 17 de maio faz uma entrevista de página inteira com o general Maynard Marques Santa Rosa, encrenqueiro de extrema-direita, esperou passar à reserva para soltar de vez os cachorros.
Quem liga, afinal, para as rabugices de um milico em pijamas?
A Folha de S. Paulo, claro! O jornal adora dar espaço para um personagem bizarro como esse.

As palavras do general...
“(...)Casos da inserção no processo judicial de reintegração de posse, que transcende a lei; e da estimulação da degradação dos costumes à revelia da tradição cristã que temos, ao estimular a homoafetividade — contra a qual, na estrutura militar, existe uma rejeição inata (...)”

"O PNDH-3 foi fabricado de fora. Se você pesquisar a similitude entre a Constituição venezuelana, equatoriana e boliviana, que são clones adaptados aos seus países, vai verificar qual é a origem. Isso tudo é uma composição internacional, organizada para implantar uma ditadura comunista. Primeiro, transformar os costumes da sociedade, para, por último, implementar o sistema totalitário”.

"Sinceramente, não sei de nenhum caso [de pessoas torturadas e/ou assassinadas, de moças grávidas torturadas depois de presas], o que existe é produto de imaginação”. Leia mais


Mais baixaria da Folha...

Exclusivo: Datafolha indica que campanha de Serra prepara dossiê da ditadura contra Dilma

A pesquisa DataFolha, protocolo no TSE 12044/2010, registrada na segunda-feira, dia 17, traz no questionário duas perguntas que apontam para a estratégia de baixaria de campanha de José Serra (PSDB/SP).

A indicação é de que campanha do demo-tucano cogita centrar a campanha na baixaria das fichas falsas que circularam no submundo da internet e na Folha de São Paulo, trazendo o assunto para o centro da campanha em forma "dossiês". Obviamente deturpando, com a intenção de desconstruir a imagem de Dilma Rousseff, querendo tripudiar com sua condição de ex-torturada quando era presa política, e querendo, para atingi-la, criminalizar guerrilheiros, que agiram como soldados de exércitos rebeldes, e entraram em combate contra autoridades e forças policiais, militares e paramilitares da ditadura, nos anos de chumbo.

Eis as perguntas: (leia mais) e tem mais aqui


Tucanos matam as cobras (e a imprensa não mostra o pau)

Mesmo que os funcionários desafiem o medo de represálias por parte da truculência do governo do Estado, a mídia serrista boicotará qualquer denúncia que o responsabilize pelo incêndio que destruiu parte do Butantan. Mas alguém precisa dizer que esse absurdo de conseqüências incalculáveis teria sido evitado se a administração tucana concedesse mínimos recursos para equipamentos de segurança na instituição. Leia mais


PDT pede intervenção de Dilma em São Paulo e no Paraná

O PDT quer que a candidata do PT a presidente, Dilma Rousseff, intervenha para acabar com a crise entre o partido e o PT, tanto em São Paulo quanto no Paraná. Surpreendidos com a disposição petista de formar uma chapa puro-sangue em São Paulo (o PDT queria a vaga de vice de Aloizio Mercadante), o partido quer atrelar o debate paulista à sucessão no Paraná, onde a petista Gleisi Hoffmann mantém a candidatura ao Senado e não quer ser vice de Osmar Dias ao governo estadual. Leia mais


Viva o Brasil! Viva nossa política externa soberana e independente!

Corvos, urubus, tucanos, todos torcendo contra uma negociação pacífica do conflito em torno do Irã, porque é Lula quem conduziu essas negociações, o que fortaleceria ainda mais sua imagem. Enquanto que um eventual fracasso, mesmo que levasse a um novo conflito bélico de proporções, contanto que pudesse ser explorado internamente em termos eleitorais, favoreceria a oposição, nos seus mesquinhos e desesperados cálculos eleitorais.

Não importa o destino do Oriente Médio, do mundo, contanto que Serra possa ter alguma esperança de se eleger. Eleger um candidato que disse que o Mercosul é uma “farsa”, que o Brasil fez “uma trapalhada” em Honduras, que o ingresso da Venezuela no Mercosul era “uma insensatez”, que “não convidaria o primeiro ministro do Irã para vir ao Brasil, nem iria ao Irã”. Leia mais

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Miriam Leitão "a sabidona" aprende economia com Dilma na CBN.

A CBN, a rádio que troca a notícia, entrevistou Dilma Rousseff. O PiG (*) omitirá o ponto mais interessante da entrevista: a Dilma triturou a urubóloga Miriam Leitão. “Deu dó”, como se diz em Minas (as duas são mineiras). Leia mais

 
Bem que a jornalista sabidona das organizações Globo, Miriam Leitão, tentou provocar Dilma Rousseff na entrevista de hoje de manhã na rádio CBN (posto o áudio), na esperança de levar um passa fora, como o que Serra lhe deu, e poder igualá-la ao tucano em grosseria. Mas Dilma se comportou com classe e ainda deu lição de economia à jornalista. Leia mais

CNT/Sensus e Vox Populi confirmam.

Dilma à frente de Serra

Levantamento do Sensus encomendado pela CNT registra empate técnico entre os pré-candidatos do PT e do PSDB, com vantagem de 2,5 pontos para Dilma


A 101ª edição do levantamento CNT/Sensus confirma os dados de outro instituto, o Vox Populi, cujos resultados foram publicados no sábado. As perguntas foram aplicadas a 2 mil pessoas de 10 a 14 de maio e tem margem de erro de 2,2 pontos percentuais. A lista de candidatos trouxe, pela primeira vez, um cenário com 11 candidatos. Nas edições anteriores, três ou quatro nomes eram incluídos, já que havia a indefinição sobre Ciro Gomes (PSB). Leia mais...


Lula confirma acordo sobre energia nuclear entre Irâ e Turquia.

O presidente Lula acaba de confirmar que houve acordo sobre a questão da energia nuclear do Irã. Durante reunião que participou com presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, e o primeiro-ministro turco, Tayyip Erdogan, em Teerã, ficou decidido, entre outras questões, que o Irã entregará 1.200 quilos de urânio à Turquia e receberá 120 quilos do produto enriquecido com monitoramento de organismos internacionais.

“Aqueles que querem construir acordos e paz sempre vencerão. É mais difícil e mais demorado fazer acordo. Todos nós nos sacrificamos. O que estamos fazendo hoje é a demonstração de que vale a pena acreditar na diplomacia, na negociação”, disse o presidente brasileiro.

Dentro das próximas horas as autoridades dos três países divulgarão mais detalhes dos 10 pontos do acordo, uma das questões mais aguardadas pelas lideranças mundiais. O desejo que equacionar a questão da energia nuclear do Irã mobilizou o presidente Lula que, nos últimos meses, travou conversas com as mais diferentes lideranças no Oriente Médio, Europa e América do Norte.Leia mais



domingo, 16 de maio de 2010

Lula o lider mais influente do pais.


Eleicões 2010. Instituto Vox Populi 38% Dilma x 35% Sera.


O PIG mostrou com  pouca ou nenhuma  enfase o Resultado da pesquisa a população.

Pesquisa Vox Populi mostra Dilma com 38% e Serra com 35%

Do UOL Eleições  - 15/05/2010

Em São PauloPesquisa do instituto Vox Populi, divulgada neste sábado (15) no Jornal da Band, mostra a pré-candidata petista à Presidência, Dilma Rousseff, com 38% das intenções de voto, contra 35% do tucano José Serra. Embora dentro da margem de erro, que é de 2,2 pontos percentuais para cima ou para baixo, esta é a primeira vez em que Dilma aparece à frente de Serra.

Na pesquisa anterior do Vox Populi, divulgada em 3 de abril, o presidenciável do PSDB tinha 34%, contra 31% da pré-candidata do PT. Marina Silva (PV) aparece agora com 8%, contra 5% registrados no levantamento anterior. Votos brancos e nulos ficaram com 8%, enquanto 11% dos entrevistados se disseram indecisos.

Em uma projeção de segundo turno, Dilma tem 40%, contra 38% de Serra. Votos brancos e nulos ficaram com 9% no segundo turno, enquanto 13% dos entrevistados ainda não escolheram candidato. Segundo o Vox Populi, 75% das pessoas disseram conhecer bem o pré-candidato José Serra, enquanto 56% afirmaram o mesmo de Dilma e 33%, de Marina.

Foram entrevistadas 2.000 pessoas entre os dias 8 e 13 de maio. A pesquisa foi registrada no TSE com o número 11.266/2010.