MPB

sábado, 19 de junho de 2010

Por que a Veja pode e a blogosfera indepentente não pode?


Há alguns milhares de blogs políticos que expressam sua opinião, pensamento e se posicionam a favor ou contra de uma ou de outra candidatura posta, fazendo conjecturas políticas. Mas, talvez, nenhum seja mais emblemático do que a coluna de Augusto Nunes, na revista Veja on-line.

Nove entre dez notas daquele colunista não tem conteúdo noticioso e informativo nenhum, são apenas expressão da opinião e do pensamento do autor CONTRA Dilma Rousseff.

Nove entre dez notas visam única e exclusivamente, desconstruir a imagem de Dilma Rousseff, com adjetivos depreciosos, com análises rasteiras, e amplificação de picuinhas, como se fossem grandes deficiências políticas.

Nove entre dez notas tem o propósito de convencer os leitores (e eleitores) de lá, que Dilma não tem qualidades, só tem defeitos, e que não serviria para ser Presidenta da República. Como exemplo, a nota abaixo é elaborada para convencer os leitores de lá que "Dilma Rousseff é uma impostura".


Leia mais...

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Olhem só a cara do cara...Nem eles acreditam.!!!


Insinuou que tem gravação, mas não confirmou, e se recusa a mostrar. Alega que só confirmará a existência da gravação se houver a necessidade como "matéria de defesa".

Pois o ex-delegado irá precisar de parar de blefar e terá que se defender nas barras dos tribunais.
Leia mais...


Kassab articulou com Teixeira para vetar Morumbi.

Na contramão de suas declarações públicas contrárias à construção de novo estádio em São Paulo para 2014, Gilberto Kassab (DEM) operou em total sintonia com Ricardo Teixeira para retirar do Morumbi a abertura e eventualmente qualquer participação na Copa.


A articulação culminou com uma visita recente do prefeito, levado pelo empresário J. Hawilla, dono da Traffic, à fazenda do presidente da CBF. No encontro reservado, examinou-se um esboço de projeto do "Piritubão", arena multiuso a ser erguida na zona norte da cidade. "Eu não posso vetar o Morumbi", disse o prefeito tricolor aos presentes. "Mas vocês encontrem os meios técnicos que nós vamos em frente."
Leia mais..

Onézimo não convence. Lanzetta o processará na justiça civil e criminal.

O ex-delegado Onézimo Souza, não convenceu, no depoimento ao Congresso, claramente combinado com a oposição, em sessão presidida pelo tucano aecista Eduardo Azeredo (PSDB/SP). Foi evasivo na hora de citar detalhes e nomes, se esquivou de acusar diretamente alguém, e deixou mais dúvidas do que certezas. Suas respostas apenas levantavam a bola para parlamentares de oposição fazerem ilações.

Insinuou que tem gravação, mas não confirmou, e se recusa a mostrar. Alega que só confirmará a existência da gravação se houver a necessidade como "matéria de defesa".

Pois o ex-delegado irá precisar de parar de blefar e terá que se defender nas barras dos tribunais.

Se antes, só haviam recortes de revistas, insufientes para fundamentar uma ação judicial, o depoimento dele tornou-se um documento oficial, onde ele acusa o jornalista Luiz Lanzetta de "encomendar" dossiês e faz ilações sobre encomenda de crimes de escuta telefônica clandestina.

O advogado do jornalista Luiz Lanzetta, Antonio dos Santos Jr., disse que entrará com ações cíveis, criminais e administrativas contra o ex-delegado:

- Onézimo faltou com a verdade e será acionado judicialmente por isso.

As ações estudadas são de crime contra honra na justiça criminal, ação de indenização por danos morais e lucros cessantes (pelo abalo na imagem da empresa) e uma representação na OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).
Por: Zé Augusto



Amaury Ribeiro Jr. desmente Onézimo, quer depor e falar tudo.

A gente sabia que teria picaretagem e estamos preparados...

O jornalista Amaury Ribeiro Júnior rebateu o depoimento do ex-delegado da PF Onézimo Souza, nesta quinta-feira, na Comissão Mista de Controle de Atividades de Inteligência (CCAI) do Congresso Nacional.


O delegado disse ter ouvido de Amaury, que ele “teria dois tiros” contra o José Serra (PSDB/SP).

"Se me convocarem para depor, vou tranquilamente. Entrego tudo. Todo mundo sabe que o que eu tenho é do tempo das privatizações. Há muito tempo eu já tenho isso. Por que eu iria contratar o cara [Onézimo], se eu tivesse dois tiros contra o Serra? ... o cara está mentindo. Esse cara é doido, mau caráter ou mentiroso.", disse Amaury.

Independentemente do Congresso, Amaury prometeu que vai narrar os bastidores do encontro em seu livro "Nos porões da privataria", a ser lançado depois da Copa da África.

O livro tira o sono de José Serra (PSDB/SP) porque mostra as relações societárias da filha do demo-tucano com a irmã de Daniel Dantas, presa na operação Satiagraha, em empresa no exterior. Mostra também negócios da filha e do genro de José Serra, envolvendo dinheiro de paraísos fiscais.

Por: Zé Augusto


quarta-feira, 16 de junho de 2010

A COPA do mundo e a Copa do meu mundo.!!!

No dia 15 de Junho, dia da estréia da Seleção Brasileira na Copa do Mundo 2010, eu, minha familia e amigos enfeitamos nossa rua , nossas casas, nossas caras e nossos corações e por alguns minutos esquecemos de todos os nossos problemas cotidianos pois havia só um pensamento... De como esse Brasil é grande, orgulho de Brancos e Pretos, migrantes e imigrantes, pobres e menos pobres, gente trabalhadora e orgulhosa de um pais que cresceu tanto em apenas (8)oito anos, reconhecido mundialmente pela inclusão social e pelo respeito ao trabalhador, pais de familia esperançosos sabendo que seus filhos e netos não estão mais incluídos ao nível de miséria em que viviam a tempos atrás.
GOOOL Brasil 1 x 0......

Investimentos em saneamento e creches para os próximos anos

Dilma é a continuidade de todos os projetos sociais do governo Lula.